IMPACTO DE UN PROGRAMA EN LA AUTOPERCEPCIÓN EN SALUD, FUNCIONALIDAD FAMILIAR Y CARGA DE CUIDADO EN TRES GRUPOS CULTURALMENTE DIVERSOS

Yenny Marcela Barreto-Zorza, Carolina Lucero Enríquez Guerrero, Vilma F. Velasquez-Gutierrez

Research output: Contribution to specialist publicationArticle

Abstract

Objetivo: Descrever o impacto de um programa educacional com perspectiva cultural para os cuidadores familiares de idosos com dependência funcional em três grupos culturalmente diversos na autopercepção de saúde,
o funcionamento familiar e sua relação com carga de cuidados. Materiais
e métodos: estudo quantitativo de intervenção antes e após um programa
educacional para cuidadores familiares de idosos funcionalmente dependentes. 88 cuidadores de três grupos culturais participaram: habitantes área
urbana de Bogotá (30), camponeses de Cáqueza (26) e afro-colombianos
de Guapi (32). Informações foram coletadas com as escalas Autopercepção
de saúde, Apgar e Zarit, que medem a carga de cuidados. Análise descritiva e teste não paramétrico da classificação dos sinais de Wilcoxon em cada
grupo e correlação de Spearman foram realizadas. Resultados: o programa
teve um efeito estatisticamente significativo na autopercepção de saúde em
camponeses (p = 0,018) e afro-colombianos (p = 0,048). A variável funcionalidade familiar não obteve resultados estatisticamente significantes em
nenhum dos três grupos. No entanto, encontrou-se associação significativa
da carga de cuidados com a funcionalidade da família nos três grupos, durante o pós-teste (camponeses: p: 0,024; afro-colombianos: p: 0,00; urbanos:
p: 0,012) e uma relação entre taxa de carga de cuidados e autopercepção
durante o pós-teste apenas em afro-colombianos (p: 0,022). Conclusão: Em
dois dos grupos de intervenção, o programa gera um efeito estatisticamente
significativo sobre a autopercepção de saúde dos cuidadores. Existe uma relação entre a funcionalidade da família na pós-teste com carga de cuidados
nos três grupos culturalmente diversos, sendo estatisticamente significativa,
e uma relação entre a autopercepção e a carga de cuidados no pós-teste no
grupo de afro-colombianos que é estatisticamente significativa.
Original languageSpanish (Colombia)
Pages117-134
Volume19
No35
Specialist publicationInvestigaciones Andina
StatePublished - 2017

Author Keywords

  • Concept

Cite this